sexta-feira, 27 de Maio de 2011

“Poesia do Corpo: Tempo e Espaço, numa abordagem Jacques Lecoq e Viewpoints ”

DIEGO BAGAGAL e MARTIM DINIS
“Poesia do Corpo: Tempo e Espaço, numa abordagem Jacques Lecoq e Viewpoints ”
4 dias – 4h/dia

Formador: Diego Bagagal e Martim Dinis
Horário: (das 15h às 19h) num total de 16 horas.
Datas: De 11 a 14 de Julho
Local: Casa da Esquina
Custo: 50 Euros
Inscrições| geral@casadaesquina.pt
data limite:30 de Junho
necessário envio de curta biografia e foto

O workshop também terá como objectivo o treinamento do actor com base no trabalho poético de pré-expressividade de Jacques Lecoq.O workshop investigará duas formas contemporâneas de utilização e organização cênico-espacial: os Viewpoints, metodologia de Anne Bogart e Tina Landau, e o Platô, espaço suspenso, desenvolvido por Jacques Lecoq.

A dinâmica do workshop será constituída através de duas abordagens criativas, uma relacionada directamente ao Viewpoints, que chamaremos de Composição Temática e a outra, que será chamada de Criação, na abordagem de Jacques Lecoq.

Trabalharemos os pontos de vista destas duas metodologias para se criar um trabalho original, utilizando princípios que vão desde um trabalho consciente da relação do ator com seu corpo, com o espaço e com os outros actores, a uma conscientização maior da respiração, do olhar e da pélvis.

O workshop também terá como objectivo o treinamento do actor com base no trabalho poético de pré-expressividade de Jacques Lecoq.

Público alvo: Grupos de teatro, actores, bailarinos, performers, encenadores, coreógrafos e estudantes de teatro e dança.

Diego Bagagal (1983) é actor e encenador. Actualmente integra a equipa de montagem do novo espetáculo do Grupo Galpão, com direção de Jurij Alschitz, como assistente de direção. Iniciou seus estudos na dança, sendo bolsista no Primeiro Ato Centro de Dança em Belo Horizonte. Entre 2007/2009, a convite do director Thomas Prattki (ex-director pedagógico da École Jacques Lecoq em Paris) cursou a pós-graduação prática Creating Theatre and Performance, na London International School of Performing Arts.

Em 2010 encenou Pop Love, espectáculo resultante da 13ª edição do Oficinão, projecto do Galpão Cine Horto. Com lançamento do documentário Pop Love: Início, Meio e Fim! previsto para 2011, realizado por Shirley Fraguas.

Entre outras encenações destacam-se Lilimão (indicado ao Prémio SINPARC/MG-2007) e The Witch and The Frog, projecto de conclusão do curso de pós-graduação em Londres.

Como actor esteve em Brzeznka (Polônia) no Atelier 2009: To The Light do Grotowski Institute, onde trabalhou um solo sob supervisão de Grzegorz Ziolkowski. Em 2010 integrou o elenco do projecto Estracci Della Memoria apresentando-se no Festival Laboratório Interculturale De Pratiche Teatrali (Teatro Potlach) com o grupo Instabili Vaganti. Diego conduz um treinamento sobre a metodologia de Jacques Lecoq e da filosofia/técnica Viewpoints de Anne Bogart e Tina Landau, tendo orientado oficinas para o Grupo Galpão, Teatro Invertido e para a equipa pedagógica do Galpão Cine Horto. Recentemente foi considerado um “Novo Talento e Artista Revelação” pela revista Brasileira “Encontro” na edição 01/2011: Personalidades de 2010.

Treinou com: Thomas Prattki e Amy Russell (LISPA); Donie Mather (SITI/Company); Jaroslaw Fret e Kamila Klamut (ZAR Theatre); Jacquie Crago (Royal Shakespeare Company); Mariana Muniz (Match Impro); Carmem Paternostro (Brecht); Helena Mauro (Voz); Ilan Reichel (Alexander Technique); e Francesca Della Mônica (Voz)

Martim Dinis (Portugal, 1978) é actor, performer e preparador corporal. Actualmente é preparador corporal do Grupo Real Fantasia em Belo Horizonte, tendo sido preparador corporal de Pop Love, espectáculo da 13ª edição do projecto Oficinão do Galpão Cine Horto. Licenciado em Engenharia Mecânica pela Universidade de Coimbra e depois em Acting pelo Newcastle College/Leeds Metropolitan University, possui também uma Pós-graduação em Creating Theatre and Performance pela London International School of Performing Arts (Teatro Físico- Pedagogia Jacques Lecoq).

Integrante da Skimstone Performance Company (www.skimstone.org.uk), explora a performance em espaços públicos, colaborando como criador e performer no trabalho da companhia, nomeadamente em ‘Cold Coffee’ (2008) em Edinburgo, ‘Tea Side, a Travelling Tearoom’ (2009) encomendado pela Arts Council England e BBC no nordeste de Inglaterra, e ‘Time for Tea’ (2009), a convite especial da Heritage Open Days em Newcastle.

No seu trabalho em performance e site specific destacam-se: ‘My Body Lies Over the Ocean’ pela companhia Helsinki Syndrome, direção de Rachel Hynes e Mike Pham; ‘Mediatised Sites’ com direção de Tamara Ashley e Kate Craddock; e ‘InGrained in the Memory’ com direção de Kazuko Hohki.

Como ator, participou com a companhia Limping Father Francisco na primeira edição do BE Festival 2010, com o melodrama “Herencia Española”, em Birmingham.

Participou em várias formações, com destaque: Método com Marcia Haufrecht, Mimo Corporal com Stephane Levy, Commedia dell'Arte com Antonio Fava, Improvisação com Keith Johnstone, Viewpoints com David Woods e Site Specific com Kazuko Hohki.

Casa da Esquina
http://www.casadaesquina.pt
mail: geral@casadaesquina.pt
telefone: 239044397

segunda-feira, 23 de Maio de 2011

Serões à esquina


com VICTOR FRADE
organização| Casa da Esquina/ Agricabaz/ Casa do Sal
data|27 de Maio
horário| 21.30h
Exibição do filme "A Porta Amarela" de Victor Frade e Leonel Vieito, "pretende apenas lembrar que a "Porta Amarela é uma porta aberta para todos..."
"Escrita por um doente maníaco-depressivo numa das suas crises, a obra é “um romance de cavalaria vivido para lá da porta amarela, “a porta da psiquiatria”.in Correio da Beira Serra.

Ver Trailer do filme

Curso de Iniciação à Guitarra Eléctrica & Guitarra Acústica

Curso intensivo de guitarra para principiantes e intermédios.


Formador|Carlos Viegas
Datas| de 13 de Junho a 11 de Julho
Horário| 14h 30
custo|100€
idade| a partir dos 5 anos
Organização|Casa da Esquina


Descrição: Aulas de guitarra eléctrica e guitarra acústica para iniciação, principiantes
e intermédios, desenvolvido para que o formando adquira ferramentas imprescindíveis
à performance musical, em qualquer estilo da música popular contemporânea
(blues, rock, funk, pop, country, jazz, etc…), com exemplos práticos e um repertório
seleccionado de temas e estudos.

Conteúdo Programático:

Iniciação

1 – Ler uma Tablatura

2 – Técnica da Mão Esquerda

3 – Quais os dedos que devo colocar

4 – Técnica da Mão Direita

5 – Cordas da Guitarra

6 – Tocar um Acorde

7 – Qual o dedo que devo colocar 1

8 – Qual o dedo que devo colocar 2

Para Principiantes e Intermédios

Módulo 1 – Manuseamento de Acordes Maiores
Nº de Sessões: 2

Módulo 2 – Exercícios de Palheta / Estudo Nº 1

Nº de Sessões: 2

Módulo 3 – Performance: Everybody Hurts – REM (Arranjo por Carlos Viegas)
Nº de Sessões: 3

Módulo 4 – Escalas de Dó Maior e Lá Menor Natural / Estudo Nº 2
Nº de Sessões: 2

Módulo 5 – Escala Pentatónica Maior de Sol / Manuseamento de Acordes Maiores e de
Sétima Dominante / Estudo Rítmico em Dó Maior
Nº de Sessões: 3

Módulo 6 – Harmonia do Blues Maior (com Flatpicking) / Manuseamento de Acordes
Menores / Estudo Rítmico em Lá Menor
Nº de Sessões: 3

Módulo 7 – Performance: Tema de Blues Folk em Dó Maior (Carlos Viegas)
Nº de Sessões: 3

Módulo 8 – Performance: Greensleeves (Anon.)
Nº de Sessões: 3

Módulo 9 – Escalas de Dó Maior, Sol Maior e Lá Menor Natural (em 2 oitavas)
Nº de Sessões: 2

Duração de cada sessão: 50 minutos

Preço: Contactar a Casa da Esquina

Destinatários:
Iniciação e Principiantes
Intermédios que queiram melhorar a parte técnica do instrumento

Modalidade de Ensino:
Ensino Presencial – Aulas Individuais


Carlos Viegas:
Especialização em Micro M.B.A. em Gestão Empresarial (Pós-graduação) e em Formação de Tutores – Tutor ITA Certificado Oficialmente (Pós-graduação). Tem o Diploma A.L.C.M. (Associado do London College of Music) em Tese de Literacia Musical (Música) e do 8º Grau em Teoria Musical Popular (Mérito). Tem 13 anos de experiência no ensino da música, tendo leccionado em escolas tanto em Portugal como em Inglaterra. É guitarrista a solo na área do Jazz & Blues.

quinta-feira, 12 de Maio de 2011

cancelamento das actividades de dia 21 de Maio

Por motivos alheios à nossa vontade, vimos informar que a oficina de cozinha vegetariana e o encontro de crochet e tricot não terão lugar no dia 21 de Maio. Assim que marcarmos novas datas avisaremos atempadamente.